Freiburg

Engraçado foi como resolvemos ir até Friburgo. Estávamos em Heidelberg e ainda tínhamos um ou dois dias livres pra conhecer alguma cidade na Alemanha. Às 5 da tarde fomos pegar nossas coisas ainda sem saber exatamente que trem pegaríamos.

Escolhemos Freiburg por conta da Floresta Negra. Queríamos conhecer a floresta.

Depois que decidimos o próximo destino, fomos pra estação torcendo pra ter um trem naquele horário. Sorte que a infraestrutura alemã é muito boa, principalmente no que diz respeito à transporte.

Chegamos à noite na cidade, sem saber pra onde ir (pra variar). Pegamos um mapa, e, perguntando, encontramos um hostel (Black Forest Hostel). Se não for o único, é um dos. Creio que seja por conta disso que ele foi o hostel mais caro que ficamos na Alemanha, sem nem ter wi-fii.

Como nosso objetivo era ir até a Floresta, e a cidade é cercada por ela, no dia seguinte seguimos pra estação de trem bem cedo.

Escolhemos dois destinos pra esse dia: o Lago Titisee e o Lago Schluchsee

Nossa primeira parada foi o Titisee. Quando você chega na estação, não tem erro. É só seguir pra dentro da cidade que logo você encontra o lago. Já o Schluchsee fica bem na frente da estação de trem.

Bom, tenho certeza que, além dos lagos, existem várias outras atividades pra fazer na floresta. Mas como era inverno e nós não tínhamos muito tempo, valeu só a visita.

IMG_0292

IMG_0280

IMG_0296

IMG_0298

IMG_0299

IMG_0301

IMG_0309IMG_0311

Leia também:

Alemanha – Roteiro

Nuremberg

Munique

Campo de concentração de Dachau

Heidelberg

Dresden

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s